Setor de precatórios do TJRN recebe visita de magistrado e servidores da Paraíba

A Divisão de Precatórios do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte recebeu hoje (09) a visita de servidores e do magistrado responsável pelo setor no Tribunal de Justiça da Paraíba, junto com a equipe de Tecnologia da Informação do TJPB. Os visitantes vieram conhecer o SIGPRE, sistema de gerenciamento de pagamento de precatórios desenvolvido no TJRN.

O juiz responsável pela Divisão de Precatórios no RN, Bruno Lacerda, ressaltou que o principal objetivo da visita foi a troca de experiências entre os Tribunais. "Nós recebemos a visita do pessoal da Paraíba, que veio conhecer o nosso funcionamento, o nosso sistema SIGPRE, trocar experiências conosco para que a gente possa fazer um intercâmbio de boas práticas, eles vieram conhecer nossa estrutura, ver como a gente funciona, quais são as práticas que a gente utiliza e ver se de alguma forma nós podemos colaborar com a melhoria da atividade deles lá, como certamente eles podem melhorar a nossa aqui, sempre a gente tem o que aprimorar”, comentou o juiz.

Gustavo Procópio, juiz que cuida do setor de precatórios do TJPB, reiterou que a visita rendeu a troca de experiências e que o sistema utilizado pelo TJRN superou as expectativas do que a comitiva esperava ver. "Quando eu tinha conversado por telefone com o juiz Bruno, ele tinha me dado algumas informações sobre o SIGPRE e já tínhamos achado uma coisa muito boa, mas quando chegamos aqui descobrimos que ele foi modesto, não havia dito todas as potencialidades do sistema, então realmente há um interesse muito grande nosso em levar o sistema para a Paraíba, para podermos utilizar lá”, explicou o juiz.

“Em termos de funcionalidade de operação do usuário o sistema atende ao que a gente precisa", concluiu Gustavo, que acrescentou que as equipes de TI dos tribunais estarão em contato para modificar e ajustar o programa às necessidades do Tribunal paraibano.

Bruno Lacerda, que também é presidente da Câmara Nacional de Gestores de Precatórios, ressaltou que “eles vieram aqui de forma muito cortês, nos fazer uma visita e conhecer nossa realidade de funcionamento. Isso é algo que é fruto do trabalho realizado pela Câmara Nacional de Gestores de Precatórios, que é um órgão de difusão de boas práticas, onde todos os Tribunais do Brasil conversam entre si e a gente troca informações para que uns possam ajudar os outros na melhoria da prestação desse serviço", comentou o magistrado potiguar.

Sistema

O SIGPRE é um sistema de processamento e acompanhamento do pagamento de precatórios, ele regula a ordem cronológica, permite que sejam feitas as decisões relacionadas ao pagamento do processo dentro dele e faz os cálculos de autorização para o pagamento. “Fazendo que tudo isso seja de forma automatizada e muito mais rápida. Então o que ele faz é dar agilidade, segurança e transparência ao processamento", explicou o juiz Bruno Lacerda.
 

Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte - Praça Sete de Setembro, nº 34, Cidade Alta, Natal/RN, CEP 59025-300 - (84) 3616-6200